Sessão da Tarde & Filme de Mulherzinha: Dirty Dancing


Sou do tipo bem eclética quando o assunto é cinema; Por tal, aviso adorar um bom terror Trash (paradoxal, não?) tanto quanto uma açucarda e batida história de amor. Neste contexto, afirmo que todos temos uma certa cota de películas das quais experimentamos uma overdose das incontáveis vezes que revemos. Bem como, toda a mulher (ou pessoa com tendenciosas paixões platônicas, para ser mais justa), possui a sua lista de comédias românticas, das quais doses cavalares de um absurdo amoroso só servem para mais vezes serem revistas. Eu tenho as minhas, confesso.

Então, resolvi falar sobre um destes ditos "filme de mulherzinha" que adoro rever: Dirty Dancing - Ritmo Quente (1987).

Como mencionei na outra postagem uma música - Will You Still Love Me Tomorrow? - a qual faz parte da trilha sonora deste filme, restou impossível deixar de comentar um pouquinho sobre tal. Aproveitei o ensejo para incluí-lo em duas de minhas sessões no blog; Afinal, além de ser um super chick flick, é um dos clássicos das tardes na telinha. Confesso que tenho um grande carinho pelos filmes que passavam na Sessão da Tarde em meus tempos de menina. Eles compõem o meu repertório pessoal e, em muitos casos, marcaram a minha existência e postura de vida. Além de diversão, as obras cinematográficas são sim um retrato particular de quem fez e de quem assiste.

Conferindo os extras do DVD especial de aniversário do filme - sim, eu tenho! -, lembro que em entrevista  Patrick Swayze disse haver uma grande dúvida por parte dos idealizadores quanto a aceitação pública da película, nunca imaginaram o tamanho do sucesso que viria. Mas, sejamos honestos fãs do estilo, como não amar um filme com a seguinte fórmula:
Mocinha revolucionária + Bad Boy de bom coração + Dança + Dificuldades externas + Contraste do Casal ? 

A história passa-se no Catskills Resort aonde Frances "Baby" Houseman (Jennifer Grey) vai com sua família passar as férias. Lá, a garota idealista conhece o sexy instrutor de dança Johnny Castle (Patrick Swayze). A parceira de dança de Johnny está grávida e na data em que irá realizar um aborto possui uma competição de dança, para ajudar, Baby aprende a dançar e vai na competição com Johnny. Durante este processo o romance surge.

Por conta deste papel de Patrick que eu desenvolvi minha primeira paixonite cinéfila! Não importava a película que fosse, se ele estivesse no elenco eu assistia. O fato é que até hoje sinto uma certa nostalgia apaixonada quando menciono ele, que além de bom ator, bom cantor, sempre mostrou-se uma pessoa humilde e gentil. Johnny Castle com certeza está no Meu Top Personagens Preferidos.


Uma vez que esta obra cinematográfica eu já devo ter assistido mais de 50 vezes - sem exageros - sei as cenas e falas decor, portanto, possuo vários momentos memoráveis. Contudo, falar de Dirty Dancing sem citar a cena final - copiada em diversos casamentos - é quase uma heresia. Ao som de (I've Had) The Time of My Life, Johnny provou que seus sentimentos por Frances eram dignos; Enfrenteou o pai da moça -  afinal, "Nobody puts Baby in the corner." -  e  mostrou o valor de uma boa dança (vídeo abaixo).


Outro ponto que merece ser destacado é a trilha sonora. Todas as canções foram muito bem selecionadas dentro do contexto temporal do filme, em meados dos anos  60. Músicas como Be My Baby, Hungry Eyes, Hey Baby, Some Kind of Wonderful, Lover Man, De Todo um Poco, além das já anteriormente citadas, renderam cenas inesquecíveis. Vale destacar a canção She's Like The Wind - um prazer culposo meu - a qual foi composta e interpretada por Patrick Swayze para a película.

Partindo de uma premissa simples e despretenciosa, com a escolha de um elenco com a química perfeita - inclusive no que tange as personagens secundárias -, mantendo uma produção que parece estar engajada em relatar muito bem a história, contando com boas cenas de dança e uma ótima trilha sonora, Dirty Dancing foi se aconchegando e conquistando a nós tolos românticos por ocasião.

Então, se você está no clima de curtir uma bom romance, seja com seu amado(a) ao lado, seja sozinho(a), seja curtindo uma fossa... Que tal entrar na dança em um...


Ritmo Quente?





This entry was posted on 29 de abr de 2011 and is filed under , , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

24 Responses to “ Sessão da Tarde & Filme de Mulherzinha: Dirty Dancing ”

  1. É um clássico! e eu adoro!
    vejo sempre que passa ! *.*


    http://cris2selene.blogspot.com/2011/04/love-history-pt-04-um-presente.html

    ResponderExcluir
  2. Estou viciada em "Shes like the wind", ouvi essa música a semana toda...

    A cena final do filme é excelente...

    Eu tenho esse filme, assisto ele sempre que posso...

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro esse filme!Toda vez que passa,eu assisto.To cansada de tanto gostar...rsrs
    Bom domingo,bjka

    ResponderExcluir
  4. i've had a time of my liiiiiiiiiiiiiifeeeee!
    esse filme é muito bom, e eu sou homem e hétero ahahahhaah


    http://alem-da-pele.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. kkkkk.. vc eh engraçada, msm que tavez essa não seja a ntenção, não, eu não quis te ofender...^^, é realmente sou voltada para o público humorístico, as devido as responsabilidades da vida real não tenho como postar diariamente. enquanto ao "muito extenso" não foi tão extenso assim, mas creio que se resumisse um pouco mais seria legal, de qualquer forma: amigas? :D xero!!

    ResponderExcluir
  6. Eu amo ese filme tenho até amúsica time of my life.. *---*

    http://coposcheiosdevodkaerocknroll.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Garota do Trote:

    Não me importo com opiniões diversas sobre o meu blog, cada um tem o seu gosto. E tudo depende de ver qual é o seu público alvo e o que se pretende com o mesmo.

    Até acredito que sua intenção não era ofensiva, mas, a título de dica; Evite nas suas "não críticas" a outros blogueiros expressões como:

    - "não, isso não é uma crítica, é ruim chato e pronto";
    - "queria saber que macumba vocÊ fez pro povo achar isso legal" e
    - quem danado ia querer plagiar o que você escreve?? me poupe."

    Há formas melhor de dizer o mesmo.

    ;D

    Ahhh...
    Sobre a falta de tempo para postar, como não sei os seus horários e responsabilidades, vou falar por mim: Como sou advogada e mantenho um escritório próprio, consigo organizar pelo menos um dia para fazer as postagens e deixa-las agendadas. Facilita bastante. Independente da frequência que vc pretende - diária, semanal ou mensal - é uma forma de ajudar.

    ;D

    ResponderExcluir
  8. sou o unico que nao assisti.

    Isso aqui esta lindo!

    segue?





    http://saosomaispalavras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. ja assisti esse filme,,,,sinceridade....não assistiria de novo ...rssr

    ResponderExcluir
  10. ainda não assisti o filme, mas parece ser muito interessante!
    Boa recomendação rs :B

    http://hell-boyy.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Mesmo já tendo comentado neste post, não resisti...

    Queria aprender a dançar, só para fazer a dança final...

    Aprender a dançar é fácil, difícil é achar um parceiro gato como esse...
    É uma pena ele ter morrido...

    ResponderExcluir
  12. simplesmente amo cinema, filmes, teatro.. e tudo o que tenha a ver com atuação.. adorei o post *-*
    parabéns.

    ResponderExcluir
  13. Clássico, faz um bom tempo que assisti, até superou minhas expectativas.
    Boa resenha, deu até vontade de dançar uma salsa aqui hahaha(é salsa né?)

    http://sindvagal.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Victor

    Acho que é Mambo...
    Mas, não tenho 100% de certeza!

    ;P

    ResponderExcluir
  15. Tenho uma amiga que é doida por esse filme ,ela tem o mesmo dvd que vc rsrsrs
    Eu já vi uma vez é um bom filme mesmo ,acredito que pra mulheres seja tudo isso mesmo kkkkk
    Abraço
    http://uaimeu10.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  16. Nossa já assisti esse filme, muito bom. Adorei a parte que você fala da trilha sonora, que é maravilhosa

    ResponderExcluir
  17. Boa Noite!!

    Sempre quando vejo seu blog adoro ainda mais.

    Adorei seu post de hoje, já vi esse filme na sessão da tarde 1.000.000 vezes. Mas esse filme e o classico do cinema, que pena que esse ator morreu e essa mulher envelhecer. Mas seu post está demais... Saindo do post e entrando na musica, essa musica voltou pras paradas com uma nova roupagem com Black eyed Peas.

    Beijos adorei seu post

    ResponderExcluir
  18. Querida Karla, estava hoje exatamente falando sobre este filme com minha mãe...ela ama esse filme...lembro que quando criança cheguei a ir em um casamento e os noivos dançaram a canção tema...rsrs...foi tão brega...rsrs...mas divertido.

    Este filme é clássico, sou suspeito tb, adoro cinema.

    Seu blog continua ótimo.
    Abraço
    http://cinemaparceirodaeducacao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  19. è apenas minha forma de expressão, isso aqui é livre, cada um fala o que quer, pois então não seria uma rede social, não preciso sair por aí espalhando o que eu faço, acho que meu blog é feito exatamente para isso pra sair da rotina e realmente ri COM ou dos OUTROS. E os demais rirem comigo ou de mim. Não vou mais discutir com você pois eu mesmo não faria essa tempestade por pequenas frases. è que os "plantões que eu administro e cumpro" realmente não me dão tempo pra responder sempre, ou me emportar sempre com isso!!! ^^

    ResponderExcluir
  20. Garota do Trote:

    Não vou falar de algumas minúcias; Acredito ser assunto ultrapassado. Mas, acho que você não me entendeu sobre um ponto. De forma alguma quis me meter na sua vida! Só pensei em repassar uma dica que me facilitou muito na manutenção do blog, que é deixar agendadas as postagens. Até porque foi um amigo blogueiro profissional que me ensinou "este truque". Pensei em compartilhar. Achei que estaria lhe dando uma ajuda e não ofendendo. Com relação a isto, peço desculpas.

    Espero ter esclarecido.

    ;D

    ResponderExcluir
  21. td bem, peço desculpas tbm por qualquer coisa, mais tem data de postagem sim lá no blog... =**

    ResponderExcluir
  22. kkk Muuuito bom relembrar deste classico...
    E não sou mulherzinha para saber disso hein! kkk
    Ótimo blog...

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!