Sessão da Tarde: Quero Ser Grande

O mês de outubro parece ser um período bem temático,o que irá refletir aqui no blog: Primeiro foi o Outubro Rosa; Agora, graças ao dia 12, irei fazer a Semana das Crianças; E, nas duas úlimas semanas de outubro irei fazer a Quinzena Terror - Claro, se tudo correr segundo meus planos. Desta forma, a partir de hoje inauguro a:
E para começar com o pé direito, que tal falar um pouquinho de Sessão da Tarde "das antigas", somado a um desejo quase universal das crianças?

Na infância cremos que ao nos tornarmos adultos consiguiremos fazer/ter tudo o que desejamos. Nada de dar satisfações a ninguém, nada de dormir cedo, nada de escola, nada de castigo. Ainda que não fosse a regra este pensamento, em algum instante da sua fase pueril com certeza cruzou com esta vontade. E de igual forma foi com Josh, personagem de Tom Hanks na deliciosa comédia "Quero ser Grande".

O preceito da história é simples: Um garoto com seus 12 anos vai até um parque de diversões e num de seus brinquedos (que supostamente realizaria pedidos) deseja tornar-se adulto. No dia seguinte, a surpresa! O pedido fez-se verdade. Contudo, apesar do corpo adulto, ele continua sendo uma criança. Sozinho, epodendo contar apenas com o auxílio de seu amigo Billy (ainda criança), vê-se irremediavelmente preso numa jornada fantástica entre o Josh "adulto" e a busca por encontrar seu espaço nesta nova realidade.

Lembro-me de sentar na casa da minha avó (que sempre cheirava a comida caseira, bolo recém feito, ou bolacha de polvillho), juntamente com minha irmã e meu primo e de ficarmos grudados na telinha toda a santa vez que tinha reprise desta película. Acho que nós três nos identificávamos com a idéia e percebiamos a importância do espírito de criança a cada cena que surgia. Algo mágico havia naquele filme, ainda há!

Por falar em cenas, o instante em que Josh e o Chefe da empresa resolvem tocar um piano gigante colocado no chão da loja de brinquedos... Já é clássico! Confesso até hoje ter uma pitadinha de vontade de fazer algo parecido.


Sei bem que este filme tem 22 anos - eu tinha três quando ele foi lançado! Mas, seu conteúdo é atemporal e serve bem qualquer faixa etária de público.

É estranho crescer. Por mais que não se toque no assunto, é estranho notar as mudanças de aparência, de personalidade, de postura, de convicções, de responsabilidades... É estranho perceber que o mundo segue, que envelhecer é um processo inevitável e  que o tempo está cada vez mais abusado em seu correr; Então, manter um tantinho da magia de Criança parace ser o melhor caminho para permanecer com o espírito leve de se bem viver.

Destaco que:

- A atuação do Tom Hanks, como sempre, é impecável e faz toda a diferença;
- O "Quero ser Grande" é o número 190 da lista do Empire: The 500 Greatest Moveis of All Time;
- E, sem falsas colocações, este filme está entre os meus preferidos.



No mais, boa sessão nostalgia (a qualquer idade)!



This entry was posted on 11 de out de 2010 and is filed under , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

36 Responses to “ Sessão da Tarde: Quero Ser Grande ”

  1. Esse filme é um sonho, faz parte do inconsciente coletivo quase, essa coisa de querer crescer logo que muitas crianças têm, genial... e essa cena da loja de brinquedos é genial, bom lembrar disso!

    Francorebel.

    ResponderExcluir
  2. ÉPOCA QUE É BOA E A GENTE NÃO DÁ VALOR
    QUER CRESCER LOGO...SE BEM QUE EU APROVEITEI DEMAIS A MINHA!

    ResponderExcluir
  3. Esse filme, acho que já assisti antes na mesma sessão da tarde. Se foi esse mesmo, é bem legal o filme.

    ResponderExcluir
  4. A infância foi a melhor fase da minha vida! Fico triste ao ver crianças querendo se comportar como adultas.

    ResponderExcluir
  5. primeiro desculpa pelo último cometario, n quiz o fender

    dois sempre vi esse filme!!!! muito bom!

    ResponderExcluir
  6. Falou em filme, estou aqui!

    Parabéns pela postagem e concordo plenamente com você. Esse é um filme maravilhoso. Quem me dera ser criança novamente...

    ResponderExcluir
  7. Nunca vi esse filme, mas depois que vc colocou aqui confesso que fiquei com vontade, não vejo a hora de ler sobre os outros post.

    ResponderExcluir
  8. Muito boa essa postagem sobre o filme "Quero ser Grande". Confesso que nunca assisti esse filme, mais depois de ler o que você escreveu fiquei com vontade de assistir *--*

    Seu blog é dos meus preferidos quando visito *-* Ele tem assuntos bem interessantes e é muito bonito. É divino ;* Isso porque eu ainda nem mencionei como você escreve tão bem ;DD

    Parabéns ;DD

    ResponderExcluir
  9. infância é muito boa quando é bem aproveitada

    ResponderExcluir
  10. Um filme maravilhoso!Os filmes antigos são os melhores!

    ResponderExcluir
  11. Caramba! Postagens nostálgicas são as que me viciam. ...rs... Ficou muito boa sua postagem. Desse filme lembro mesmo da cena do piano. Dá vontade de ir na tal loja e ver se ainda há! Deve ser o pont. huahuahua Falando em música, este vídeo e o atual episódio de meu video oriental no You Tube existe a presença de bom humor junto a música, concorda? Gostaria que você visse também! =)

    Parabéns pela postagem e pela série de posts infantis desta semana! Sucesso para você!

    T+

    http://neowellblog.blogspot.com/2010/10/nwb-series-episodio-02-humor-musica.html

    ResponderExcluir
  12. Eu amo esse filme, eu sempre corria para frente da televisão quando descobria que ele tava passando. Isso tudo que você falou é verdade. Hoje em ida eu não vejo filmes como esse sendo feito por aí. ele consegue agradar não só as crianças que se identificam (todas) com o persoagem, mas qualquer adulto também, afinal todo mundo já foi criança um dia.

    ResponderExcluir
  13. Caracaaaa do tempo do roncaaa ..


    das antigas mesmo

    ResponderExcluir
  14. AAAh, seu blog tá muito lindo,gostei muito do conteúdo deste aqui. Parabéns!

    ResponderExcluir
  15. Muito bom...recentemente num dia de folga assisti a uma 'versão feminina' do filme com uma menina que se trancou no guarda roupa e foi transportada para os trinta anos. Ali ela sentiu as responsabilidades, tristezas e alegrias da vida adulta. Também há enfoque na questão de decisões importantes que temos que tomar e que causam impacto enorme lá na frente. o Título em português é 'De repente, trinta'; em inglês 13 going on 30 e tem Jennifer Garner no papel principal.

    ResponderExcluir
  16. ser crianã é realmente mto gostosoo!! parabens pelo blog, sucesso! to te seguindo..
    passa la no meu dps e comenta!

    http://soaquiloqueeupenso.blogspot.com/
    bjs

    ResponderExcluir
  17. Parabéns pelo blog, e boa sorte com as postagens de dia das crianças

    ResponderExcluir
  18. Quando a gente é criança desejamos ser grande,
    e quando se é adulto, tudo que mais queremos é voltar a caber no colo da mãe nas horas que parece que o mundo vai cair sobre nos!

    ResponderExcluir
  19. Que nostalgico seu post, que saudade desse filme, passava sempre, e eu sempre assistia..
    =)

    ResponderExcluir
  20. Engraçado como toda criança pensa a mesma coisa. Quando eu era menor, eu achava que com 16 anos meus pais iam me deixar fazer o que eu quiser, que eu iria pra festas todos os dias, shopping, casa de quam quisesse. E é engraçado que quanto mais você idealiza, maior a queda.
    Eu sei que já assisti esse filme, mas não lembro direito (claro, Ton Hanks novinho). Mas essa cena do piano é clássica; e, se não me engano, teve um "remake" dela nos Simpsons.
    Parabéns pelo blog!

    Se gosta de ler:
    http://tacadesabedoria.blogspot.com/
    Estarei te esperando

    ResponderExcluir
  21. Parabéns pelo post, e pra todos amanhã, afinal todos temos uma criança dentro de nós.

    ResponderExcluir
  22. Esse filme é ótimo! E eu adoro o dia das crianças! Sempre aproveito para fazer atividades recreativas para as crianças que moram em entidades carentes! É maravilhoso ver a alegria delas :D
    Beijos :*

    ResponderExcluir
  23. Não conhecia o filme :S
    Mas estarei esperando a Quinzena Terror! :D

    Se puder retribuir:
    http://entendaque.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. MUito boa postagem! Também já fiz um post com os filmes que deveriam passar novamente na Seção da Tarde.
    É sempre bom curtir uma telinha encostado no sofá.(Não tem idade prá isso)

    ResponderExcluir
  25. A sessão da tarde perdeu seu encanto,(ou foi a gente que cresceu?).Essa cena do Piano é clássica,eu sempre tive vontade de fazer isso

    ResponderExcluir
  26. "Imaginando oceano, as crianças brincam na poça d água." ( Carlos Novais )

    Lindo texto.
    Quero ser um velho menino.
    Abraço amigo do "Calcanhar" aqui.

    ResponderExcluir
  27. Quando crianças, queremos ser adultos, quando adultos queremos voltar a ser crianças..

    Beijos, adorei aqui.

    ResponderExcluir
  28. Tenho esse filme guardado a 7 chaves, pronto pra uma semana triste, que necessite de uma boa história "infantil", assim como Goonies....

    Poxa, que saudade do tempo que sessão da tarde fazia meu dia melhorar 100%.

    ResponderExcluir
  29. Nossa.. Não sei quantas vezes já assisti esse filme..rs Boa postagem!!..

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!