Grifei Num Livro!

Ecce Homo - Nietzsche
Todo o leitor possuí suas manias; Certos rituais preparatórios para o ingresso naquele universo escapista. Alguns escolhem um local exato para a jornada, outros gostam de ler acompanhados de uma bebida específica, outros ainda não perdem a oportunidade de marcar os trechos mais acolhedores para si. Sou das que grifa - como pode se ver pela imagem acima! E por encantar-me com o que me salta a alma, também fiquei hipnotizada com a proposta do Tumblr.: Grifei Num Livro. Com a colaboração de terceiros montou-se uma "biblioteca" de trechos. 

Claro que não poderia deixar de compartilhar alguns deles, segue abaixo:

No One Belongs Here More Than You - Miranda July
Morangos Mofados - Caio Fernando Abreu
Fazendeiro do Ar - Carlos Drummond de Andrade
Retrato de Dorian Gray - Oscar Wilde
Os Americanos - Pedro Tota
Asfalto Selvagem – Engraçadinha Seus Amores e Seus Pecados - Nelson Rodrigues
A Rosa do Povo - Carlos Drummond de Andrade 
Romeu & Julieta - William Shakespeare
The Catcher in the Rye - J. D. Salinger
A jangada de pedra - José Saramago
Culture - Edited by John Brockman
Crime e Castigo - Fiódor Dostoiévski
Máquina de Pinball - Clarah Averbuck 
Um sopro de vida - Clarice Lispector
Caprichos e Relaxos - Paulo Leminski
Mapas do Acaso - Humberto Gessinger 
Edifício Esplendor - Carlos Drummond de Andrade 
Noites Brancas - Fiódor Dostoiévski 
…Ismos: Para Entender o Cinema - Ronald Bergan
O Amante - Marguerite Duras
Entrevistas/Clarice Lispector - Org. Claire Williams
Cartas de amistad - José Martí
Psicopata Americano. Bret Easton Ellis
Doidas e Santas - Martha Medeiros
The Apartment Vegetarian Cookbook - Lindsay Miller
Da preguiça como método de trabalho - Mario Quintana
Ao Anoitecer - Michael Cunningham
As Crônicas de Gelo e Fogo: A Fúria dos Reis - George R. R. Martin 
Nove ensaios dantescos & a memória de Shakespeare - Jorge Luis Borges
Citações e pensamentos de Fernando Pessoa - Org. Paulo Neves da Silva
Os Sofrimentos do Jovem Werther - Goethe
Carta a D. História de um amor - André Gorz
Love Story - Erich Segal
How to Live Safely in a Science Fictional Universe - Charles Yu
Ensaios de Amor - Alain De Botton
Poema Sujo - Ferreira Gullar
Claraboia - José Saramago
A Cura de Schopenhauer - Irvin D. Yalom
A Casa dos Budas Ditosos - João Ubaldo Ribeiro
A Terceira Rosa - Manuel Alegre
Poema “A Vida na Hora” - Wislawa Szymborska 
O Último Voo do Flamingo - Mia Couto

Tenho sempre uma citação para tudo - economizo os pensamentos originais.
Dorothy Sayers
Não se esqueçam que são últimos dias para o sorteio do KIT LEITURA... PARTICIPEM!!!

This entry was posted on 26 de abr de 2012 and is filed under , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

7 Responses to “ Grifei Num Livro! ”

  1. Eu não gosto muito de grifar passagens no próprio livro, por isso sempre as anoto num caderninho onde registro todos os livros que li.

    É bom você ter algo com o qual se identifica. Daí essa vontade de marcá-lo, de gravar na nossa mente e no nosso coração. Um livro inteiro às vezes vale a pena por uma simples frase.

    Tenha uma ótima sexta. Beijo.

    ResponderExcluir
  2. Oi Karla
    Eu também tenho o costume de anotar as partes do livro que mais me chamam a atenção. Achei muito legal esse post. Deve ter dado um trabalhão, vc só pegou trechos de ótimos livros, só os que estavam em inglês que eu não posso dizer nada, porque não entendi (kkkkk).
    Bjos. e um ótimo feriado.
    http://ashistoriasdeumabipolar.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ola Karla,
    O livro é algo muito pessoal e somente o dono sabe o que deve fazer com ele. Eu particularmente, assim como o angelus, não gosto de grifar no livro, pois penso no futuro. Se um dia aquele livro por algum motivo não for mais meu (até mesmo após a minha morte), o futuro leitor terá em mãos uma obra "viciada", ou seja, com as minhas impressões, influenciando de alguma maneira essa pessoa. Bem, eu penso assim, não que seja o dono da verdade, longe disso...


    Abraços Flávio.
    --> Blog Telinha Crítica <--

    ResponderExcluir
  4. Também sou do tipo que grifa e depois releio tudo que grifei.
    Karla, vc anda sumida. Apareça. Estou sempre por aqui.

    O Falcão Maltês

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito de ler e grifar, adorei a ideia de compartilhar os trechos grifados. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  6. Oi Karla tudo bem?
    Tempinho que não acesso o "Nascida".

    Bom, gostei do Tumblr, bem original, mas eu sou daqueles que também não gosta de marcar seus livros, rs. O máximo que faço é usar marcador de página, mas as vezes me perco, hehe

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Não gosto muito de grifar os livros, mas às vezes anoto trechos em agendas. O que mais gostei da galeria foi o poema "eterno".
    Beijos!

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!