Escapismo Cinéfilo: Suspiria

Ter um pesadelo é algo angustiante. Nada tem início, nada tem fim, é uma sequência incessante de imagens, pessoas, experiências que fazem de você uma vítima do inconsciente. Geralmente só conseguimos provar desta sensação durante o sono mesmo. Contudo, alguns raros cineastas possuem a fórmula precisa de sons e imagens capazes de nos transportar ao infame momento, dentre eles temos Dario Argento e o seu aclamado Suspiria.


Sinopse:
A americana Susan é convidada a ingressar em uma elegante e antiga academia de Balé européia. Logo que  chega percebe que algo estranho rodeia o ambiente. Aos poucos vai descobrindo que a escola nada mais é do que uma fachada para uma associação macabra de, o que acreditar ser, bruxas.  

Ficha Técnica:
Título Original: Suspiria

País: Itália
Gênero: Terror e Suspense
Ano: 1977
Diretor: Dario Argento
Elenco: Todo o elenco pode ser visto AQUI; Os principais são
.

Jessica Harper - Suzy Bannion



Flavio Bucci - Daniel


Miguel Bosé - Mark


Alida Valli - Miss Tanner

..
.


Prêmios:
  • Saturn Award (2002): Indicado na categoria de Melhor Relançamento em DVD de um Filme Clássico.
  • Saturn Award (1978): Indicação de Joan Bennett como Melhor Atriz Coadjuvante.

Crítica:
You want to kill me! You want to kill me! Hell it's beyond that door... The living dead!
Garanto que muitos dos que leram a sinopse sem conhecer o trabalho de Dario já tiveram dúvidas sobre a qualidade do filme. Não duvidem! Mas, também  não esperem um roteiro redondinho, bem montado, quanto menos atuações inesquecíveis. Não, a película foi montada com a intenção de causar uma sensação direta no seu apreciador, por tal outros elementos ganham primeira importância: As imagens e o som.

Num período onde O Exorcista fez questão de trazer o terror para nós, como se estivesse iminente em nosso cotidiano; Argento criou um ambiente improvável, misterioso e distante - como aqueles antigos castelos góticos repletos de monstros. Justamente nesta "climatização" da trama que a visão peculiar do diretor torna-se pungente.
Com ares surrealistas o filme traz cores exorbitantes - aplicando muito bem o technicolor de três cores. O elemento visual cria através de filtros e uma excepcional direção de arte - abusando da estilização e tons pastéis para as locações - sensações distintas, escolhendo para o quarto dos professores tons vermelhos, para o das alunas é amarelo, enquanto o azul gira nos ambientes educacionais da academia de balé, já nos externos o verde faz a vez.

Não bastando esta preocupação técnica com o magnífico da fotografia, Dario faz questão de buscar pontos inusitados para a colocação da câmera - como se as tomadas entrassem e saíssem de um móvel, por exemplo. Na tentativa de seguir o olhar de determinada personagem, acaba-se por desnortear o telespectador; O que, no caso do terror sensorial, é perfeito.
Como eu mencionei anteriormente, Suspiria é uma experiência audiovisual de horror, então, no que tange ao elemento sonoro temos a fabulosa música composta por Goblin (banda italiana de rock progressivo) em toda a película. A composição é tão perturbadora e estridente que mesmo sem o acompanhamento visual atormenta. No filme em ocasiões a trilha é tão alta que abafa o som do grito, dando uma impressão incômoda.

Creio que o maior objetivo de Dario Argento era o de conduzir o telespectador para aquela viagem do filme, conseguindo isto através de cenas de cores impactantes, estética estilizada, tomadas improváveis e amplas, finalizando com a sonorização alta por entre suspiros. Enfim, surrealismo total!  

Ainda que no final a falta de respostas e os furos no roteiro estejam lá, recomendo esta experimentação. Como disse antes, raras são as obras capazes de recriar a desnorteante angústia de um pesadelo.
Classificação:



Onde Encontrar:
Apesar de ser uma obra conhecida, em algumas lojas on line o produto encontra-se indisponível. Todavia, consegui localizar em DVD e em Blu-Ray nos seguintes sites:

Trilha Sonora:
Ao contrário do que normalmente se ouvia na época onde a soundtrack clássica imperava, Dario fez questão de conversar com a banda de rock progressivo Goblin para a composição. O resultado foi uma combinação aterradora de sons em crescente, suspiros e mistérios; Ouça agora:


Para Mais Escapismo Cinéfilo clique AQUI!



This entry was posted on 07/10/2011 and is filed under ,,,,,,,,,,,,. You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

16 Responses to “Escapismo Cinéfilo: Suspiria”

  1. Completo post Karla, gostei! Parabéns!

    É um filme que suspira o horror, não há dúvidas. Com relação ao roteiro concordo com sua crítica, embora seja este o elemento que Argento procurava. Uma fita tão sensorial, imagética que o trabalho no texto fica no ponto morto. Obras como "Cisne Negro" de Darren Aronofsky e "Império dos Sonhos" de David Lynch (entre tantas outras de Lynch),são exemplos de películas que se inspiraram neste clássico que preciso rever. Filmes que nos transportam...

    Bjs ;)

    ResponderExcluir
  2. Nossa, suas posts são muito bem constituidas! *-*

    ResponderExcluir
  3. Gosto de terror e não conhecia este filme, mas vou assistir.

    Abç.

    Maxx.
    http://telecinebrasil.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. pesadelo e sempre muito desgastante....filmes de terror é pior ainda....
    abs

    ResponderExcluir
  5. Extremamente interessante! Ele está completamente certo, o audiovisual na hora de filmes de terror é importantíssimo! Dá uma sensação de realidade, mas ao mesmo tempo a história é visivelmente surreal. Perfeito! Admirável mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Karla!
    Ainda não conhecia este filme, e olha que terror é um dos meus gêneros preferidos. A propósito, a trilha sonora é ótima! Vou ver se encontro por aqui, e depois voltarei para deixar minha opinião sobre o filme.

    Até mais!

    ResponderExcluir
  7. Hello!
    adorei esse post e a imagem.gif,
    com o sangue sendo derramado e muito bom.
    O filme de meio macabro (todo macabro).
    esse filme deve ser muito bom mesmo.. terror puro kk.

    http://rodrigobandasoficial.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Muitas informações sobre o filme, trilha sonora e tudo mais.
    O filme deve ser realmente assustador porque só de ver o trailer já vou ter que dormir de luz acessa.
    Beijogro

    ResponderExcluir
  9. Gosto de filme, mas evito este estilo e qualquer outro segmento cinematográfico que mostre um lado meio macabro e obscuro. Gosto da luz e da felicidade. Cinéfilo? Só por comédias, rs! Bjos, gatinha!

    ResponderExcluir
  10. não gostoo de filme de terror
    odeio ter pesadelos rshttp://laydorea15.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Interessante seu post, ainda mais com a primeira gif

    passa lá?
    http://uaimeu10.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. SUSPIRIA é assustador.... e tem de bônus a excelente ALIDA VALLI... Gosto de Argento.

    O Falcão Maltês

    ResponderExcluir
  13. Esse filme vai mais pro terror ou suspenso? eu gosto de suspense, terror não curto mto não

    ResponderExcluir
  14. Opa, post indicado ao links da semana.
    http://blogsdecinemaclassico.blogspot.com/2011/10/links-da-semana-3-9-de-outubro.html

    Amanhã tem blogagem coletiva sobre a Julie Andrews. Caso tenha um texto, gentileza me passar o link!
    beijos!

    ResponderExcluir
  15. Olá Karla,

    Faz tempo, eu encontrei este filme à venda e não pude comprá-lo naquele momento. No dia seguinte, quando fui procurá-lo, já não o encontrei. Sua postagem me fez recordar que...eu quero muito assistir a esse filmeeee.

    Ótimas considerações as suas. Só fizeram com que eu ficasse com mais vontade ainda.

    Abraços!

    Tônia Amanda Paz

    ResponderExcluir
  16. é um filme legal causa bastante tensão, mas ainda prefiro "shock (1977) do mesmo diretor!!!.

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!