Filmografia em Fotos: Ingrid Bergman

"Eu fui de santa a prostituta, e novamente santa. E tudo em uma só vida."
                                                                                                                  - Ingrid Bergman
O dia 29 de Agosto marca dois momentos cruciais na jornada desta bela e talentosa atriz sueca: Nascimento (1915) e Morte (1982). Sim, Ingrid faleceu no dia de seu aniversário, com 67 anos lutando contra um câncer de mama. Teve uma vida intensa, assim como suas personagens. Em uma época conservadora, teve 3 divórcios e 4 filhos - entre eles a atriz Isabella Rossellini. Ganhadora de 3 Oscar, Bergman com todo o seu frescor deixou em seu legado filmes como Intermezzo, À Meia Luz, Stromboli, Sonata de Outono e - meu preferido - Casablanca. 

Assim, como homenagem tardia, deixo com vocês a Filmografia em Fotos de Ingrid Bergman:

1982 - Golda (Filme para TV) 
1969 - Flor de Cactus 
.
1967 - Stimulantia
1966 - The Human Voice (Filme para TV) 
1964 - The Visit 
1963 - Hedda Gabler (Filme para TV) 
1961 - Auguste
.
1961 - Twenty-Four Hours in a Woman's Life (Filme para TV) 
1959 - The Turn of the Screw (Filme para TV) 
1958 - Indiscreta
.
1954 - La paura
1952 - Europa '51 
1950 - Stromboli
1948 - Joan of Arc 
1948 - Arch of Triumph 
1946 - Interlúdio
1945 - Saratoga Trunk 
1944 - À Meia Luz
.
1942 - Casablanca 
.
1940 - Juninatten
.
1939 - En enda natt
1938 - Dollar
1936 - Intermezzo
1936 - På solsidan
1935 - Swedenhielms
1935 - Bränningar

Espero que tenham gostado,
Até a Próxima!







This entry was posted on 31 de ago de 2011 and is filed under , , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

15 Responses to “ Filmografia em Fotos: Ingrid Bergman ”

  1. Ela era linda.. Também adoro Casablanca!
    Nossa Karla, mais um super post.. Com muito conteudo, informação.. E história! Amei.
    http://lollyoliver.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  2. Ótima atriz!
    Muito legal o trabalho que vc tem feito aki no blog!

    ResponderExcluir
  3. Não é do meu tempo, mas cheguei a assistir filme O médico e o Monstro, realmente ela era uma grande atriz.

    ResponderExcluir
  4. D: Morrer no dia do aniversário, que horror.
    Ahh, ela que fez o médico e o monstro *-*

    ResponderExcluir
  5. caramba, qto filme, e qta foto pra organizar e postar...

    ResponderExcluir
  6. Fantásticos olhos, incrível atriz, combo perfeito de fragilidade, força, tristeza e doçura! Amei o post, não sabia que Ingrid tinha feito tantos filmes antes de "Casablanca"! Beijos e sucesso no blog, sempre!!

    ResponderExcluir
  7. até que eu conheço alguns filmes que ela fez, que por sinal, muito bons!

    ResponderExcluir
  8. Este filme "por quem os sinos dobram" eu tow loco pra assistir faz um tempao e nao consigo... este titulo é originado de um poema Homonimo de jon done eu acho...

    foi o filme q originou uma de minhas musicas favoritas... tambem chamada "por quem os sinos dobram" de Raul Seixas...

    ♫♫ nunca se vence uma guerra lutando sozinho...

    PS voce deveria ter dividido o post eu dois ou tres...
    demora muito pra carregar

    abraços
    .
    www.ouvindoparalamas.blogspot.com
    .

    ResponderExcluir
  9. Nossa que legal, confesso que já tinha ouvido falar nela, mais desconhecia seus trabalhos.
    Adorei o post
    http://marifriend.blogspot.com/2011/08/hoje-e-dia-do-blog.html
    beijos

    ResponderExcluir
  10. As vezes da vontade de ter vivido em épocas assim.
    Era tudo mais "tranquilo".

    Filmes maravilhosos e atriz belíssima. xD

    ResponderExcluir
  11. Amei a homenagem a deusa sueca Ingrid Bergman!
    Posso dizer q ñ vi um filme +ou- dela, todos q assisti foram fantásticos.
    Só tenho uma correção, Ingrid teve 4 filhos, uma menina do 1º casamento e 3 com o Rossellini (Isabella e sua irmã gêmea, e o Robertinho).

    ResponderExcluir
  12. Daiane M:
    Muito Obrigada pela correção!
    Já estou alterando!

    ;D

    ResponderExcluir
  13. Me he quedado impresionado con Ingrid. Para mis sus películas que hizo en la década del 40 son las que más me gustan, especialmente "Casablanca".

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!