Mudança de Rumo

Enquanto as cores do mundo ainda pesavam em meus olhos, sorri para o universo. Não compreendia o motivo desta reviravolta das coisas. Estava cansada. Não desejava nada, a não ser parar e admirar os dias passarem diante de minha existência frugal. Agora, a chuva cai. Os meus olhos atravessam os oceanos, e encontram os seus. Sabia que era você quem eu esperara toda minha vida. E mesmo permanecendo longe, estremeci. Pois havia acabado de reconhecer o meu destino desenhado em seu sorriso.

Confira o texto também no RECANTO DAS LETRAS.



This entry was posted on 23 de mai de 2011 . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

Leave a Reply

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!