Dois Momentos "Em Crise" de John Cusack

John Cusack possui a habilidade fabulosa de transitar nos instantes mais instáveis do ser humano em pura neurose. Amo de paixão as inseguranças e dúvidas que permeiam aqueles inqueitos olhos escuros. Acredito que o final da década de 90 e o início dos anos 2000 tenha sido incrivelmente fértil para este âmbito "em crise" de Cusack.

Um ator sair de um estilo já pré-concebido como seu (vide os clássicos oitentistas) é uma jornada não tão simples; Por tal, ouvi John comentar em uma entrevista que pensou: "Tenho que escrever meus próprios filmes!" E foi o que ele fez. De sua filmografia, as minhas duas películas preferidas são roteiros seus: Alta Fidelidade e Matador em Conflito.

Assim, deixo a seguir dois momentos em crise de John Cusack:




Original: What came first, the music or the misery? People worry about kids playing with guns, or watching violent videos, that some sort of culture of violence will take them over. Nobody worries about kids listening to thousands, literally thousands of songs about heartbreak, rejection, pain, misery and loss. Did I listen to pop music because I was miserable? Or was I miserable because I listened to pop music?

Tradução Livre: O que vei primeiro, a música ou  a angústia? Todos estão preocupados que seus filhos brinquem com armas ou assistam a filmes violentos, que alguma espécie de cultura a violência absorva eles. Ninguém está preocupado com as crianças ouçã milhares, literalmente milhares, de músicas sobre decepções amorosas, rejeição, angústia/miséria/tormento e perda. Eu ouvia música pop porque estava em estrema infelicidade? Ou eu estava infeliz porque ouvia música pop?




Original:
Marty: Oatman? Don't hang up. Listen, I didn't kill anyone - except some guy tried to kill me, so if I see that guy again, I'm definitely gonna kill him, but I'm not going to kill anybody else. I'm on my way to the reunion now with Debi, but I'm just a little nervous, and I'd like to do a phoner.
Dr. Oatman: O.K., repeat after me. "I am at home with the me. I am rooted in the me who is on this adventure."
Marty: I am at home with the me, I am rooted in the me who is on this adventure.
Dr. Oatman: Good. Now take a deep breath, and realize that this is me breathing.
Marty: Wait, I'm confused. Do you want me to say it or do you want me to realize it?
Dr. Oatman: What?
Marty: About the breathing.
Dr. Oatman: Say it.
Marty: This is me breathing.
Dr. Oatman: Good, now keep doing that for about twenty minutes.
Marty: Listen, I got to go.
Dr. Oatman: O.K. Keep it up. Don't kill anybody.
Marty: Right!

Tradução Livre:
Marty: Oatman? Não desligue. Escuta, eu não matei ninguém - exceto pelo cara que tentou me matar, sse eu ver ele de novo, com certeza irei matá-lo, mas eu não irei matar ninguém mais. Estou no meu caminho para a Reunião da Classe com a Debi, só que estou um pouco nervoso e gostaria de  uma ajuda.
Dr. Oatman: O.K., repita depois de mim: "Eu estou em casa comigo. Estou enraizado com o Eu que está nesta aventura."
Marty: Eu estou em casa comigo. Estou enraizado com o Eu que está nesta aventura.
Dr. Oatman: Bom. Agora respire fundo. "Percebo que este sou eu respirando."
Marty: Espera, fiquei confuso.  Você quer que eu diga ou quer que eu perceba isto?
Dr. Oatman: O quê?
Marty: Sobre o respirar.
Dr. Oatman: Diga.
Marty: Este sou eu respirando.
Dr. Oatman: Bom,  agora faça isto por cerca de 20 minutos.
Marty: Beleza, eu tenho que ir.
Dr. Oatman: O.K. Continue assim. Não mate ninguém.
Marty: Certo!



This entry was posted on 7 de dez de 2010 and is filed under , , . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 . You can leave a response .

18 Responses to “ Dois Momentos "Em Crise" de John Cusack ”

  1. ate hj nao assisti Matador em Conflito, mas o Alta Fidelidade é um filme sensacional, adoro! xD

    ResponderExcluir
  2. Gosto do seu blog, é informação com qualidade.Textos muito bem escritos.Venho aqui também para saber sobre esse universo que pouco sei:cinema,filmes...
    Já te elogiei em outros posts mas,não poderia voltar sem lhe dar mais um parabéns =D
    beijooos

    ResponderExcluir
  3. Você me fez lembrar que eu nunca mais tinha ouvido falar nesse cara.

    ResponderExcluir
  4. Ola
    Nãou ligado em filmes, prefiro livros do que filmes,,mas esses filmes me chamou bem atenção, os verei com certeza!!!

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro filmes. Conheço esse ator.. Não vi nenhum desses dois filmes.

    ResponderExcluir
  6. Já assisti matador em conflito. É revelo que é ótimo, em principal a atuação do John Cusack, que agora passei a conhecê-lo. Karla e obrigado pela visita no meu blog, sempre com comentários inteligentes; Beijo.

    ResponderExcluir
  7. Não assisti nenhum dos filme citados,mas me interessei bastante pelo Matador em Conflito.*-*

    ResponderExcluir
  8. Adoro os filmes com ele (Escrito nas Estrelas é lindo!). Dos dois assisti Alta fidelidade, mas Matador em Conflito eu não conheço. Vou procurar assistir.
    Até a próxima, Karla!

    ResponderExcluir
  9. Olá, indiquei você a alguns selos! Pegue o que você não tem :)

    http://blog.avoado.com/2010/12/premios-ganhos/

    []'s

    ResponderExcluir
  10. Dois excelente filmes apesar de ultimamente Cusack estar se dedicando a produções meramente pipocas como o enfadonho 2012, mas não deixa de ser um bom ator

    ResponderExcluir
  11. Ninguém está preocupado com as crianças ouçã milhares, literalmente milhares, de músicas sobre decepções amorosas, rejeição, angústia/miséria/tormento e perda. Eu ouvia música pop porque estava em estrema infelicidade? Ou eu estava infeliz porque ouvia música pop?

    me fez penssar bastante sobre o que eu ando ouvindo por ae, as musicas costumam nos influnciar bem mais do que qualquer outra coisa.
    Eu tbein nunka assisti nenhum dos dois filmes mais interessei por assistir , quem sabe uma hora eu assista e possa dar melhor a minha opniao sobre o assunto. sobre o seu blog, cada vez que venho akie me interesso mais,mto boun parabens .

    ResponderExcluir
  12. O cusak é legal, mas nunca vi nenhum desses dois filmes citados >.<
    Tentarei ver algum um dia.
    __________________________________
    http://assimounao.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  13. Não assisti nenhum dos dois, mas ambos parecem muito interessantes... gostei desta parte da sinopse do filme: eu ouvia música pop porque estava em estrema infelicidade? Ou eu estava infeliz porque ouvia música pop? Bem legal... vou ver se assisto :D
    Parabéns pelo blog, beijos

    ResponderExcluir
  14. Lembro de uns poucos filmes de Cusack no momento, mas tua pertinência em temas a fins me fazem querer sempre visitar teu blog!

    ResponderExcluir
  15. Gostei do Blog.
    Seguindo, Me segui la tbm

    http://blog-infonet.blogspot.com

    ResponderExcluir

"Nunca houve no mundo duas opiniões iguais, nem dois fios de cabelo ou grãos. A qualidade mais universal é a diversidade." [ Michel de Montaigne ]

LEIA,
PENSE,
COMENTE!

Obrigada pelo seu Comentário!!